sábado, 12 de outubro de 2019

Camaçari: mobilização dos agentes de saúde cobra pauta negada pela Prefeitura

Capacidade de mobilização. Atitude motivacional. Resultados eficazes e parcerias firmes. Essa é a receita do sucesso da assembleia dos agentes de saúde realizada pela AASA/BA em conjunto com a AAEMC e AACS, na cidade de Camaçari, região metropolitana de Salvador. As entidades unidas contribuem decisivamente para o êxito de uma ação afirmativa na defesa dos colegas camaçarienses.

As pautas discutidas foram definidas diante das demandas reprimidas da categoria que não tiveram o devido encaminhamento por parte da gestão municipal. O Piso Salarial ainda carece de reajuste e retroativo, além disso, resta devido o pagamento do incentivo adicional e avanço de referência, sem contar o decênio. Tudo isso, tem causado prejuízos financeiros para os agentes de saúde da cidade.

A movimentação em Camaçari garantiu que os agentes de saúde tivessem a percepção de que as entidades parceiras são instrumentos de defesa de direitos. Segundo o presidente da AASA/BA, Ivando Antunes, a mobilização em torno das pautas mostra que a ação da entidade se mostra eficaz e reconhecida em todo o estado da Bahia. "Notadamente a expertise da AASA tem sido reconhecida pelos colegas em toda a Bahia. Estamos sendo chamados para representar colegas e seus direitos junto às diversas prefeituras. A nossa responsabilidade aumenta e em Camaçari continuaremos lutando até que as pautas reprimidas sejam resolvidas de fato. Não nos faltará empenho e coragem pra isso", disse Antunes.

As próximas assembleias e atos da mobilização em Camaçari serão divulgadas nas plataformas de interação da AASA/BA. "Vamos divulgar a parceria leal que nutrimos com os colegas de Camaçari. Peço que os colegas sigam nossos perfis nas redes sociais e acompanhem nosso site, pois vamos fortalecendo a luta com esse diálogo que vem sendo construído com as entidades da cidade", finalizou.

E já tem assembleia marcada para o dia 01/11 às 09:00 em frente ao SISPEC, com toda a categoria e todos de preto.

AASA/BA, unidos somos mais fortes!

0 comentários:

Postar um comentário